April 3

Horto Florestal de Batatais: Um dos paraísos do MTB do Brasil

O Horto Florestal de Batatais: No início de setembro estive na pacata cidade do interior de São Paulo para conhecer um dos pontos altos do mountain bike cross country do Brasil. Tudo começou após ter escrito o artigo “Por que pedalamos tanto em estradão e tão pouco em trilhas no Brasil“.

Estradão

É um assunto que sempre me incomodou. Passei grande parte de minha vida morando no pé da Serra da Mantiqueira, lugar teoricamente perfeito para a prática de cross country, all mountain e enduro. Contudo, me via sempre pedalando pelas mesmas largas e movimentadas estradonas de terra.

Devo confessar que esse foi o artigo que mais gostei de escrever até hoje. Recebí muitas mensagens de leitores me contando sobre as trilhas de suas regiões e me convidando para conhecer seus single tracks. Amazonas, Bahia, Maranhão, Santa Catarina… Infelizmente todos bastante distantes de onde vivo no estado de São Paulo.

Até que recebo o seguinte comentário naquele artigo:

mensagem gustavo horto florestal de batatais

Como pode ser deduzido, aceitei o convite na hora!

Gustavo, que reside em Ribeirão, foi gentil a ponto de me emprestar uma de suas bicicletas para que pudessemos fazer o pedal. Uma aro 26′ full perfeita para o terreno bastante técnico e repleto de curvas que iríamos enfrentar. Partimos então de Ribeirão Preto rumo a Batatais às 07h do dia 03/09 (sábado).

Chegando no Horto Florestal de Batatais

Gustavo foi me contando no caminho que boa parte dos ciclistas de Ribeirão dão preferência às estradas de terra nos arredores da cidade. Me contou que existe o apelido de Canabikers na região – algo inédito e hilário para mim que vivo num local sem um pé de cana sequer – e que um outro colega seu é chamado pejorativamente de “Rei do Horto” devido às suas constantes visitas ao lugar. Bastante irônico, ao meu ver.

chegando no horto

Bikes na caçamba. Destino: Horto Florestal!

O tempo estava perfeito. Chegamos a um pesqueiro entre Brodowski e Batatais onde deixamos o carro e seguimos de bike.

estacionando o carro no horto florestal de batatais

Para esse dia, o Gustavo também havia me passado o contato de uma importante figura do Horto Florestal de Batatais – o Tuta. Natural de Batatais e grande conhecedor das trilhas de lá, era ele que ia me explicar a dimensão do lugar onde estávamos pedalando, além de nos servir de guia pelas trilhas. Nos encontramos próximo a uma pequena – mas bela – represa e Tuta começou a contar melhor sobre o local e a nos apresentar às trilhas.

tuta fernando gustavo mtb horto batatais

Da esquerda para a direita: Gustavo, Tuta e eu

Logo no primeiro single track eu já estava em estado de êxtase. Tudo era incrível. Florestas de pinheiros e de mata nativa cobriam as trilhas muito bem cuidadas. Um monte de curvas, obstáculos naturais, troncos… UAU!

dea horto florestal de batataismountain bike

horto de batatais mountain bike trilha

tuta mountain bike horto de batatais

trilha no horto de batatais

tuta e gustavo horto de batatais

Era trilha que não acabava mais! Conforme pedalávamos, Tuta ia me contando muitos detalhes sobre o local.

Um paraíso de 72km de trilhas de mountain bike xco

Como vocês viram na mensagem que Gustavo me deixou no blog, eram aproximadamente 50km de trilhas de mountain bike. Tuta contou que na realidade o Horto Florestal de Batatais possui 72km de trilhas e singletracks de tal forma que o ciclista nunca precisa repetir um trecho de singletrack para acessar outro. São 72km de trilhas ininterrúptos!!

Tuta ainda comentou sobre uma baixa que o Horto sofreu: “Houve um incêndio em uma das áreas do Horto onde haviam 12km de trilhas, portanto estamos atualmente com 60km redondinhos”. Apesar da tragédia que nos impossibilitou de conhecer essa área, eu raramente ví um local tão propício para o MTB XCO como lá.

Nosso guia continuou: “Em um dos trechos eu quis construir um Rock Garden. Levei muitas semanas fazendo viagens e trazendo pedras de mais de 50kg para o Horto. Só contei para o pessoal quando ficou pronto” ele diz. “Tinha até uma passarela, mas o pessoal do motocross acabou quebrando”.

As trilhas iam se seguindo. Cada uma mais irada que a anterior. Era algo único. Pedalamos 50km ao todo, metade só em single tracks (meu celular ficou doido e não marcou alguns kms):

As fotos de Tuta

Tuta comentou que tinha uma porção de fotos do local após pedalar lá por tantos anos. Sendo assim, me concentrei mais em tomar relatos dele e em aproveitar a trilha que tirar fotos, já que ele me prometeu enviar as melhores para que eu postasse nesse artigo.

Selecionei as que mais gostei:

estrada do horto de batatais

trilha fechada do horto florestal de batatais

floresta de pinheiros horto florestal de batatais

Mountain bike no horto florestal de batatais

mtb horto de batatais

mountain bike horto florestal de batatais

rock garden no horto de batatais

Manter o Horto Florestal de Batatais funcionando: árduo trabalho

Talvez os ribeirão pretanos e os batataenses não se dêem conta a respeito do paraíso que possuem em seus quintais. De todo modo, manter tal paraíso não é tarefa para qualquer um. Tuta conta que o Horto Florestal de Batatais não é só motivo de alegria dos mountain bikers. É também de muita discórdia no mercado imobiliário.

Há uma batalha não escrita que envolve invasões por parte dos movimentos sociais sem terra, especulação imobiliária, interesse mínimo do governo do estado em manter o local como patrimônio público, o descarte de lixo nas trilhas pelos ciclistas e finalmente pouca boa vontade da administração do parque em deixar a trilha demarcada.

marcação trilha horto mtb batatais

Os dois últimos pontos foram os que mais me impressionaram. Tuta conta que chegou a desenvolver toda a marcação das trilhas com altimetria, faixas e distâncias. “Mapeei todas as trilhas e distribuí placas com a marcação pelo parque. Em alguns dias, quando voltei, a administração do Horto Florestal de Batatais já havia retirado a grande maioria delas. Restou só uma em um local mais isolado.”

Isso acontece muito por conta da falta de cuidado que os ciclistas têm com as trilhas, o que desagrada a administração do parque e a leva a desfazer as marcações. Descuido esse principalmente que se tem com o descarte de lixo.

Ele comenta:”Na sede do Horto sempre há uma quantidade enorme de embalagens de carbogel todo final de semana”. E de fato haviam alguns plásticos jogados na mata, porém tanto Gustavo como Tuta disseram que já houve dias em que encontraram mais lixo.

Dessa forma a administração do parque ainda é bastante resistente à presença dos ciclistas, já que muitos ainda não tem consciência ambiental. Fosse diferente, talvez as trilhas ainda estivessem demarcadas.

mountain bike horto de batatais

O dia foi passando e trilha após trilha eu me sentia privilegiado por ter tido a oportunidade de conhecer tantos quilômetros de singletracks. Foi um dia para ser guardado para sempre!

E o futuro?

Como manda o clichê, depende de nós. O número de ciclistas que pedala pelo parque é bem grande. Porém, segundo Tuta, poucos estão disponíveis a ajudar a manejar os singletracks existentes e a abrir novas trilhas.

Incêndios (provocados) também são frequentes e Batatais depende da frota do corpo de bombeiros de outras cidades como Ribeirão Preto para que eles sejam contidos.

Portanto a maneira mais eficaz de ajudar o Horto a ganhar infraestrutura e aumentar a boa vontade de administração do parque em relação aos mountain bikers é levando todo lixo para casa e se engajando em atividades de manutenção de trilhas e aberturas de novos single tracks.

E eu te garanto: Mesmo que você não seja da região, vale a pena viajar para conhecer o Horto Florestal de Batatais. Dezenas de quilômetros do mais puro mountain bike XCO! Temos muito a fazer para mudar a cultura brasileira de mountain bike nos estradões de terra. Visitar lugares espetaculares como esse é um ótimo passo!

PS 03/11/16: O artigo causou repercussão em Batatais e virou notícia no jornal local:

14368852_578726798966389_87225589500465294_n

Além do Horto

O mundo é grande. Tão grande que pedalar por ele pode ser considerado uma missão de vida. Tenha você essa missão ou não, queria te fazer um convite.

Eu envio alguns conteúdos exclusivos para os leitores do Aventrilha que estão cadastrados na minha lista de emails. E dessa vez preparei um para contar 5 das rotas mais incríveis de ciclismo pelo mundo!

Se quiser acessar esse material, basta cadastrar seu email e primeiro nome abaixo que enviarei para você instantaneamente por email.


Tags


You may also like

O que é Ciclocross
Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}

Direct Your Visitors to a Clear Action at the Bottom of the Page